2 de fevereiro de 2015

A herança de 2014 e os desafios de 2015

Nessa época de final de ano é natural o clima de festa e também de balanço do que foi e, poderia ser feito, bem como das novas metas de conquistas e, manutenção das boas práticas realizadas no ano que se encerra.
Em 2014 enfrentamos muitas lutas. Temos sempre buscado administrar nossa associação com zelo e responsabilidade, na busca da melhoria das nossas condições, possibilitando oferecer novos serviços aos associados e seus dependentes.
A luta é contínua, sempre enfrentando muitas dificuldades, especialmente na administração do maior patrimônio da categoria, o nosso plano de saúde de autogestão ASFAL-SAÚDE.
Concluímos a implantação do novo sistema de gestão do nosso plano de saúde e, em 2015, devemos aproveitar todas as funcionalidades do sistema, permitindo maior controle de gastos e implantação de ações preventivas de saúde.
Este ano de 2014 foi outro de muitas dificuldades na área de melhoria salarial e, de condições de trabalho. Continuamos, junto às nossas demais entidades representativas da classe, lutando pela recuperação da SEFAZ e, também juntamente com o SINDIFISCO e o SINDAF, pela aplicação correta da nossa Lei orgânica.
O atual governo nos deixa como herança o desmonte de toda a máquina de arrecadação, passando oito longos anos sem conseguir recuperar o prédio da escola fazendária, reforma do prédio sede, postos e repartições fiscais do interior, sem implantar nenhum sistema de fiscalização, sem promover capacitações ao seu corpo técnico e sem efetivamente fiscalizar os grandes segmentos contributivos. A recuperação de toda a SEFAZ partir de 2015 será um grande desafio aos nossos colegas que assumem os destinos da SEFAZ nesse novo governo que se inicia.
Vamos buscar com o novo governo, uma forma de cumprimento da ação judicial, permitindo avanço de toda a categoria. Recebemos, no fechamento desta edição, a confirmação de que o novo secretário da fazenda será o Dr. George Santoro, que ocupava com destaque a subsecretaria da receita do estado do Rio de Janeiro. A SEFAZ terá em seu comando um técnico com foco em arrecadação e fiscalização e com controle dos gastos públicos.
Finalizando, desejamos um Ano Novo de conquistas aos Fazendários, esperando que 2015 venha com boas notícias para a Família Fazendária e muita saúde para todos.

2 de fevereiro de 2015

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *